O PODER DESTOXICANTE DOS CHÁS


Quem aí ama tomar um chazinho assim como eu? Pra mim não tem a melhor estação, todo dia é dia de chá! E você sabia que essas ervinhas são muito poderosas e trazem benefícios incríveis à nossa saúde quando consumidas com regularidade?

Hoje apresento a vocês 4 chás excelentes, que auxiliam na destoxificação, confere aí:

Chá verde: o chá verde possui catequinas, substância com ação antioxidante e antiinflamatória que estimulam a destoxificação. Cuido com o excesso! O chá-verde possui cafeína, então se quiser garantir uma boa noite de sono, evite o consumo no período noturno.

Alecrim: possui propriedade antioxidantes e auxiliam no aumento das enzimas responsáveis pela destoxificação. Além disso, é excelente para problemas gástricos e indigestão.

Capim limão: é rico em citrol, uma substância que aumenta a produção das enzimas que fazem destoxificação em nosso corpo.

Gengibre: possui gingerol, substância anticarcinogênica e que também auxilia na destoxificação. Possui também atividade termogênica, facilitando a queima de gorduras.

Vale lembrar que o modo correto de preparo do chá é fundamental para garantir o sabor principalmente os seus efeitos medicinais! Temos dois principais modos de preparo, a infusão e a decocção, veja a diferença entre elas.

Infusão

Na infusão a água deve ser aquecida até o ponto de fervura (quando começam a formar bolhinhas no fundo da chaleira) e colocada sobre a planta. Essa mistura deve ficar abafada por aproximadamente 3 minutos e depois pode ser coada e ingerida.

Essa técnica deve ser aplicada para flores, folhas e frutos. Exemplos: camomila, chá-verde, hortelã, capim limão.

Decocção

Na decocção a planta deve ser fervida juntamente com água. Após o ponto de fervura pode ser coado e ingerido.

Essa técnica deve ser aplicada para cascas, raízes ou pedaços de caule. Exemplo: gengibre, mulungu, canela, anis estrelado.

A quantidade da planta a ser consumida também é um ponto importante, afinal, ela possui compostos com efeitos em nosso organismo, então o excesso não é recomendado! De maneira geral, utiliza-se 1 colher de chá para 1 xícara de água (200ml) e um máximo de 3 xícaras ao dia. Ah, e não vale adoçar hein! Vamos adaptar esse paladar para sentir o sabor verdadeiro dos alimentos!

Atenção gravidinhas: nem todos os chás podem ser consumidos por vocês! Consulte seu nutricionista e peça as orientações adequadas para a sua individualidade!

Ficou com alguma dúvida? Deixe sua pergunta aqui pra gente conversar um pouco mais sobre o assunto!

Beijos da Nutri!

Leave a comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *